quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Leonardo Alkmin, a voz do Nonoyama

Voltando a falar mais um pouco sobre o Esquadrão Especial Winspector, chegou a hora de apresentar aos fãs o dublador do personagem Nonoyâma: Leonardo Alkmin.

Nonoyâma era o hilário mecânico/ programador dos robôs da série: Biker e Highter. Futuramente, também desenvolveu o detetive miniatura Demitaz (Sergio Rufino - 1ª voz/ Paulo Porto - 2ª voz). Trabalhava em conjunto com o herói principal Lyúma/ Fire, e o comandante Masaki.

Este personagem fazia parte do elenco de apoio, da mesma forma que a Hissáe (Marta Volpiani) e o detetive Toragôro (César Leitão). Inúmeras vezes ajudou a equipe com seus feitos. Por outro lado, também pertencia ao núcleo cômico do seriado, frequentemente envolvendo-se em enrascadas por conta das atitudes imprevisíveis dos robôs.


A série teve uma boa versão brasileira, sob a direção do experiente Emerson Camargo, a voz original do National Kid. Vozes clássicas foram escaladas em diversos capítulos, como por exemplo o Amaury Costa, o robô que fazia anunciar os perigos ao menino Will Robinson da série Perdidos no Espaço. Mário Vilella, Maralise Tartarine e João de Ângelo são outros exemplos dissidentes da época da A.I.C. Por outro lado, também havia espaço para os novos nomes, que hoje consagraram-se no meio. Tânia Gaidarji, Paulo Porto, Fabio Moura e Fátima Noya fazem participações em vários episódios.

A captação de som dos estúdios da Marshmellow era muito boa, porém, em alguns capítulos, houve problemas com as M&E, e vários foram finalizados com barulhos de cenário totalmente fora de sincronia. No decorrer do seriado, algumas vozes também foram trocadas, fato que é muito difícil evitar por inúmeros motivos.


Alkmin começou a dublar no ano de 1990. Trilhou o mesmo caminho de inúmeros dubladores, nos estúdios Álamo, junto com Nair Silva. Em seguida, trabalhou nas diversas casas em atividade na época, como Sigma, Gota Mágica, Marshmellow e Mastersound. Outro nome que foi muito importante em sua carreira é o de Jorge Barcelos, o proprietário da Sigma.

Ao mesmo tempo, já cursava teatro na EAD/ECA/USP. Naturalmente, diversas vezes foi escalado também na Dublavideo, BKS e Gábia, dentre outros. Fez participações em muitos filmes, entre eles, A História de O. J. Simpson, onde dublou o protagonista quando jovem. Em séries, foi um dos principais de Stargate. Este seriado foi resultado de um filme de mesmo nome, que há alguns anos passou na TV Bandeirantes. No longa, o personagem teve a voz do Hermes Baroli.

Quando da exibição da série, sua voz era desconhecida por mim. Uma vez, falando com a Alessandra Araújo, ela comentou de lembrar que ele havia feito dublagens nesta época, e que poderia ser quem eu estava procurando. Dito e feito. Encontrei-o no Facebook, que confirmou, ouvindo um trecho da voz do personagem. 


Leonardo também trabalhou com produções de eventos, e desde 2003, parou de dublar. Além de ator, é escritor, tendo lançado duas obras. A mais recente, de nome "Tia Margarete", saiu no início de 2012.

Ouça abaixo a voz de Leonardo Alkmin na série Winspector:

9 comentários:

G. HANOCH disse...

Muito bom! Mais um achado e tanto! Agora eu me lembrei...! "Ele" era aquele cientistazinho do Winspector...! A voz dele ficou ótima para o personagem! Winspector junto com a Estrela Fascinante Patrine, era da turma daqueles tokusatsus clássicos; mas o ano já era o de 1994 e confesso que esse seriado aí, eu assistia meio que escondidinho pois eu já tinha 15 anos...coisa de adolescente...! rs Mas ironicamente, hoje eu tenho até um box dele! rs Fantástica a matéria! O site de vocês, eu não canso de dizer que é interessantíssimo! Essa profissão assim como tantas, merece ser valorizada! Um grande abraço!
Sucesso!

Eduardo Consolo dos Santos disse...

Ivan, você quebrou um galho e tanto para mim. O Leonardo Alkmin também dublou no Samurai X o Tetsuma, um personagem que aparece na saga Kaishuu Katsu (episódios 79 a 82), um dos arcos que anime integram a 3ª temporada (a qual grande parte dos fãs da série não vão com a cara, mas eu particularmente gosto dessa temporada. Muitos não gostam da terceira temporada por ter, digamos, substituído a saga Jinchuu no anime, mas eu particularmente acho que foi MUITO pior a animação incompleta dessa saga nas duas séries de OVA [Tsuikohen e Seisouhen]. Só acho que eles mancaram mesmo no último arco, o Feng Shui). Enfim, há alguns meses atrás revi Samurai X no You Tube do 1º ao 94º episódio e fiz uma série de edições no artigo da Wikipedia sobre os dubladores do anime, e esse era um dos dubladores que estava tentando descobrir, junto com a primeira voz do Jenemon (personagem que aparece na saga Shogo Amakusa), a voz do Youtarou na saga dos Cavaleiros Negros e a segunda voz da Tsubame. Ainda nessa semana descobri quem dubla os dois primeiros: o primeiro é o Dráusio de Oliveira (voz do Abel no CDZ e do Totousai no Inuyasha) com uma voz mais caricata, e o segundo o Pedro Alcântara (dublador do Pablo no Backyardigans e do Beck Oliver no Victorious), quando mais novo. Só falta descobrir a segunda voz da Tsubame. Enfim, Ivan, muito obrigado por essa, você quebrou um galho e tanto para mim.

Betarelli, Ivan D. disse...

G. Hanoch: agradeço pelas palavras a respeito do meu trabalho. Eu me esforço para que essas descobertas/ matérias aconteçam. Esse caso mesmo do Alkmin, eu já vinha pesquisando há quase 3 anos. As coisas levam tempo. E eu também não via sempre essa série, pois na época estava mais ligado em animes. Mas pude vê-la completa há alguns anos e é um belo tokusatsu. Apareça sempre!

Eduardo: Faz tempo que não vejo Samurai X, e vontade não falta. Problema é tempo mesmo. Mas eu lembro que até mesmo a saga dos Cristãos eu não gostava muito na época, quem dirá a Feng Shui. Talvez quando rever eu mude de opinião. Não lembro desse personagem "Jenemom". Me mande um trecho do áudio pra eu ouvir, quem sabe eu conheça. Abraços.

G. HANOCH disse...

Olá Ivan e muito obrigado pelo feedback ao meu comentário! Agradeço pela consideração! Mas eu retornei para fazer-lhe um pedido se for possível de ser realizado, é claro?! Eu me recordo de um dublador da Álamo que também marcou muito a minha infância...! O nome dele ao que me parece é "Eduardo Camarão", algo assim...?! Ele é do mesmo peso do saudoso Carlos laranjeira... inclusive trabalhou com ele na série de super sentai Comando Estelar Flashman... era o dublador do Dan, o Green Flash! Lí algumas coisas sobre ele por aí, mas pra mim não foi o bastante...! Gostaria que alguém com o apreço que você tem pela arte da dublagem fizesse alguma matéria com ele... enfim o localizasse de alguma forma...! É Eduardo Camarão, o eterno Green Flash! Um abraço e sucesso com o site, amigo!

Betarelli, Ivan D. disse...

Que é isso, quem agradece sou eu.

O Eduardo Camarão é alguém que está na minha "mira" há algum tempo. O máximo de perto que eu cheguei foi com ajuda do Nelson Machado, que tinha convidado ele para o programa semanal que tinha, mas parou antes dele ser entrevistado. Mas te adianto que da mesma forma que a conversa com a Christina Rodrigues que vc já viu aqui no Blog, houve uma igualzinha com a Lucia Helena há três meses, e que logo será publicado. A minha intenção é fazer o mesmo com todos os "Flashmen". Posso dizer que o Brêtas já é um amigo, e um dia nossas agendas vão bater. Falta apenas o Camarão.

Ele está fora do meio há mais de 15 anos, ficou um tempo morando no exterior (Angola) e está de volta a SP, mas não mora na Capital. Chegará a hora de eu conseguir falar com ele.

Um abraço e apareça sempre.

G. HANOCH disse...

Uau, valeu então...! Reunir todos os Flashman...?! Puxa...! Vou ficar na expectativa, hein...?! Muito obrigado pela resposta e pelos exclarecimentos sobre o Camarão! Valeu mesmo, amigo Ivan! Um ótimo final de semana e vida longa ao falando de dublagem! Um grande abraço!

Eduardo Consolo dos Santos disse...

"Não lembro desse personagem "Jenemom"."
É o gordão da saga Shogo Amakusa. E mais uma coisa: o Leonardo Alkmin dublou no episódio 4 do Solbrain o principal bandido do episódio, o qual foi interpretado pelo Ryosuke Umizu, o Takeo do Maskman.

Didi Alves disse...

Foi muito bom saber o nome do dublador do Nonoyama,há tempos que eu vinha procurando por essa informação por toda a internet.Obrigado.

Betarelli, Ivan D. disse...

Foram anos de pesquisa, mas valeram a pena, sem dúvidas. Em breve, outro nome desconhecido, talvez o que mais tempo venho procurando desde o início de minhas pesquisas. Grato pelo comentário.